29 de junho de 2010

Eco Resort Ibicoara

Fui convidada para passar o São João na Chapada no sitio de uma amiga. A única informação que recebi sobre o local foi que estava frio. Seria a oportunidade de descansar a mente, rever conceitos e me re-energizar para encarar a realidade soteropolitana. Chegamos a tarde e já recebi a lamentável notícia de que não tinha água na casa. Não se preocupem, tem um rio aqui pertinho, tomaremos banho nele e traremos água para casa em garrafões! Já fiquei empolgada com a aventura de tomar banho num rio, só desanimei mesmo quando senti meus pés dormentes de tão gelada que a água estava, foi ai que me lembrei que estava na Chapada, no inverno. Imaginem entrar num isopor de gelo derretido, me arrepio só de lembrar. Resolvemos que, por questão de saúde, esquentaríamos a água para tomar banho, afinal banho gelado misturado com o frio da chapada poderia dar princípio de pneumonia. Essa decisão fez com que precisássemos otimizar e intensificar as idas ao simpático riozinho. Segue vídeo mostrando o relaxante e inusitado São João:
videoNão pensem que esta experiência árdua acabou com o feriadão, ao contrário, foi o que deu graça e colorido. Foi uma viagem a origem de tudo, uma oportunidade de vivermos como os nativos da região e de percebermos como o conhecimento é relativo. No primeiro dia fiquei imaginando como aquelas pessoas viviam ali, sem internet, baladas, sem viajar para outros lugares, sem nem imaginar as loucuras e diferenças que há no mundo. Pensava em tudo que já vi e vivi e me sentia grande perto deles. Nos últimos dias percebi que em outros aspectos eles sabem muito mais que eu; sabem transformar mandioca em farinha, grãos de café em pó, sabem viver sem geladeira e sabem aceitar as decisões divinas sem grandes questionamentos, sendo felizes com o que tem, isso mesmo felizes, me senti minúscula diante deles. Segue vídeo da pessoa mais feliz e linda que já conheci, a apaixonante Dona Belinha, que joga futebol de meião e tudo:

video

Um comentário:

  1. Detalhe um!!! Renata levando o carrinho de mão?!?!?!?!Inimaginavel!!!
    Detalhe dois: Ouvi os gritinhos dela de: Não molhe meu cabelo.....
    Detalhe três: Mari carregando 'comorongo' na cabeça, ta hilario, parecendo lavadeira.... hsuihsuish
    deve ter sido muito divertido!
    bjs
    hsuishuishsui

    ResponderExcluir